O trabalho colaborativo entre vendas e marketing no varejo

O trabalho colaborativo entre vendas e marketing no varejo

Eles são setores tão complementares que muitas vezes até parecem um só. O trabalho conjunto de vendas e marketing é superimportante para o sucesso de qualquer empresa, ainda mais quando falamos de varejo.

O primeiro passo é trabalhar em sintonia, com metas comuns e alinhadas entre as equipes. Afinal, o trabalho de um influencia diretamente no resultado do outro, e vice-versa.

Em tese, vendas e marketing precisam estar unidos para fortalecer o posicionamento da marca no mercado e aumentar a receita. Mas como fazer isso?

O ponto principal para não gerar conflitos nessa relação é pensar que todas as ações devem ser focadas no relacionamento com os clientes, no engajamento do público e, principalmente, nas conversões. Por isso, o planejamento de vendas deve envolver marketing, e o time de marketing precisa saber as dificuldades de vendas. O segredo é trabalhar em conjunto.

Por isso, a comunicação entre vendas e marketing é o X da questão. Conhecer as ações de cada departamento, opinar e contribuir para deixar os projetos ainda mais “redondos” e atuar de maneira complementar, com metas e objetivos, certamente vão dar ainda mais potência e força às iniciativas da empresa.

Como alinhar vendas e marketing?

Imagine só: em determinado momento, a equipe de marketing planeja uma grande ação para o Dia das Mães, direciona todos os seus esforços e profissionais para aquela ideia, e tudo parece funcionar perfeitamente. O que pode dar errado? Não envolver a equipe de vendas no projeto ou sequer informá-la sobre a promoção. Isso é um erro grande, afinal são os vendedores que têm de lidar com o cliente de maneira mais direta.

O contrário também pode ser avaliado. Como gerar ações de marketing focadas no aumento de conversões quando não se conhece a fundo as necessidades e anseios do público? Em geral, os times em campo (vendedores, consultores, promotores) conseguem ter uma percepção mais exata do perfil do consumidor e as mudanças que ocorrem no dia a dia de um ponto de venda. Percebeu a grande conexão?

Dessa forma, um bom passo inicial para alinhar vendas e marketing é reunir os profissionais de ambas as áreas com uma certa frequência, e sempre que necessário: podem ser encontros mensais, quinzenais, bimestrais. Hoje em dia, a tecnologia ajuda e encurta distâncias. Sempre que tiver uma ação para colocar em prática, atuem em conjunto!

Compartilhe dados entre equipes

Além de se reunir, é importante pensar no alinhamento das equipes de vendas e marketing em todas as tarefas. Neste ponto, uma das principais dicas é compartilhar dados e informações dos consumidores, das ações em campo, dos resultados de campanhas.

Se a equipe de vendas, por exemplo, obtém informações de mudanças nos hábitos de consumo de determinada loja, por que não comunicar à equipe de marketing? Se o time de propaganda quer deixar as ações mais assertivas, que tal verificar com os vendedores ou promotores qual produto ou serviço precisa ser priorizado?

Essa troca de dados é essencial para o sucesso das campanhas no varejo, trazendo resultados concretos tanto de branding como de vendas, efetivamente.

E você, tem alguma experiência de sucesso entre vendas e marketing para compartilhar conosco? Escreva nos comentários e deixe sua opinião. Se gostou do tema do nosso artigo, compartilhe-o em suas redes sociais! Até o próximo texto!

Leia também: Principais indicadores de produtividade no PDV

Deixe um comentário

Your email address will not be published.