Vitrines de Natal: uma tradição que todo lojista acompanha

Vitrines de Natal: uma tradição que todo lojista acompanha

O natal é considerado uma das melhores épocas de venda. Neste período, lutar para atrair e conquistar cada cliente que passa em frente ao ponto de venda é fundamental, e um dos clássicos recursos utilizados para isso são as vitrines de natal.

Este ano, a expectativa é que sejam movimentados R$ 34,3 bilhões até o fim deste mês, o que representaria um aumento de 4,3% para o varejo, de acordo com dados da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

É aí que vemos a importância das vitrines de natal como uma arma para trazer o cliente para dentro da loja. Quando bem feitas, elas ajudam bastante a definir o tom de um período tão importante, colocando o shopper no espírito natalino e, consequentemente, impulsionando as compras.

Pensando nisso, elaboramos em algumas sugestões para deixar a vitrine de natal mais atraente e, assim, não perder espaço para a concorrência. Veja a seguir.

4 dicas para atrair clientes com as vitrines de natal

1 – Não perca a identidade de sua loja

Mesclar a decoração natalina à identidade tradicional da loja é uma ótima opção, tendo em vista que se trata de um período perfeito para conquistar novos clientes. Desta forma, mesmo após a data, ao visitar a loja, o novo consumidor encontrará um ambiente pelo qual já se identificou antes.

2 – Faça testes

Sabemos que nem sempre as coisas saem do jeito que são planejadas. Às vezes, investe-se muito em uma ideia que não dá o resultado esperado. Por isso, teste todas as possibilidades desejadas, com alguns dias de respiro, assim mudanças ainda serão possíveis. Questões como foco de luz e posicionamento das vitrines de natal, além de outros detalhes, podem ser ajustadas nessa etapa.

3 – Realize uma boa pesquisa

A elaboração das vitrines de natal exige uma boa dose de criatividade, afinal praticamente todas as lojas estão seguindo o mesmo padrão e é preciso se destacar. Pesquisar boas referências para se inspirar é sempre válido, tanto em outras lojas como na internet, inclusive em segmentos diferentes do seu, para evitar cair no senso comum.

4 – Não exagere

Em geral, não recomendamos que se criem vitrines de natal muito extravagantes. Destacar produtos estratégicos pode ser bem mais vantajoso ao invés de simplesmente oferecer uma quantidade grande de mercadorias em meio a muitos elementos natalinos, o que pode confundir o consumidor.

E aí, gostou das nossas dicas? Como está a decoração da sua loja? Conta pra gente aqui nos comentários. Sua participação é sempre bem-vinda! Obrigado e até a próxima!

Leia também: O trabalho colaborativo entre vendas e marketing no varejo

Deixe um comentário

Your email address will not be published.