O novo papel do promotor de vendas

O novo papel do promotor de vendas

Engana-se quem pensa que o promotor de vendas tem função reduzida à reposição de estoque e checagem de preço. Este profissional possui um papel cada vez mais estratégico tanto para a indústria como para o varejista, e tem a responsabilidade de aproximar a marca ao consumidor no ponto de venda.

É claro que os cuidados com adequação de estoque e reposição de gôndola não devem ser menosprezados. Sabemos que os casos de ruptura são responsáveis por aproximadamente 5% das perdas no faturamento do varejo, de acordo com dados da Nielsen. Por isso, fazer o reabastecimento rápido e se atentar para possíveis falhas de sortimento é uma das premissas para evitar prejuízos nas vendas.

LEIA TAMBÉM: 4 ações para ter maior controle de ruptura no varejo

No ambiente de loja, o promotor de vendas também deve colocar em prática as estratégias de marketing planejadas, tais como degustações de produtos ou promoções especiais. Muitas vezes, também fica a cargo deste profissional negociar pontos extras dentro da loja e garimpar locais para fazer o cross merchandising, ou seja, levantar novos espaços para expor os itens na rede varejista.

Outro quesito muito importante dentro desse novo papel do promotor de vendas é saber analisar a concorrência. Desta forma, ele deve estar sempre atento à promoções e estratégias de outras marcas, para informar à indústria, para que esta possa traçar novas ações de merchandising.

Promotor de vendas mais próximo do consumidor

Por estar mais perto do consumidor, na ponta da cadeia, o promotor de vendas tem a “missão” especial de captar o comportamento dos clientes no PDV. Perceber hábitos peculiares à uma determinada região ou reações à promoção de uma marca pode ser muito útil no planejamento de novas estratégias.

Isso sem contar a atividade principal do promotor de vendas que é a possibilidade de tirar dúvidas dos próprios clientes ou reforçar os benefícios de um produto, atuando diretamente na promoção da venda, o que seria a tarefa-base deste profissional, mas que muitas vezes é deixada de lado, ficando somente com a rotina de reposição.

Sendo assim, podemos concluir que o promotor de venda é o principal mediador da marca com o cliente e, por isso, ele deve estar preparado e capacitado para solucionar todas as dúvidas e questionamentos em campo. Cabe à indústria fornecer os instrumentos necessários para isso, ministrando cursos e investindo em treinamentos para que os promotores conheçam a fundo os produtos, as maneiras corretas de abordar um cliente e para que estejam a par de todas as ações de marketing e merchandising que possam, efetivamente, impactar as vendas.

VEJA MAIS: 5 dicas para fortalecer a equipe de promotores

Este blog é uma iniciativa da Trade Force com objetivo de levar informação de qualidade ao mercado de Trade Marketing. Caso tenha gostado desse conteúdo, convido você a deixar seu comentário logo abaixo ou até mesmo compartilhar nas redes sociais!

E ainda se desejar saber mais sobre algum tema relacionado a este mercado, sinta-se à vontade para deixar alguma sugestão que teremos o maior prazer em atender com algum artigo.

Deixe um comentário

Your email address will not be published.